04/06/2015

Uma Dose de Terror - Amigo Imaginário

ATUALIZAÇÃO 15/06/2015: A escola anda tomando muito meu tempo. Desculpem pelo sumiço, volto assim que puder >< (e sim, eu troquei de layout de novo e.e)
Aloha docinhos!  Por onde estiveram? Tudo bem, tudo ótimo? Comigo está tudo excelente, fechei uma prova de biologia I e só não fechei a de biologia II por meio ponto. Achei que tinha tirado abaixo da média, mas quando o professor chamou meu nome para entregar a prova, surpresa! xD Enfim, desculpem pelo pequeno atraso do post.. Era pra isso ter saído no domingo, mas acabei me enrolando com alguns assuntos pessoais. Além disso, também voltei a assistir animes e confesso que isso acabou me ocupando e.e Mas de qualquer forma, pretendo usar esse feriado para reparar esse pequeno atraso (◠‿)

Bom, indo para o assunto do post... Amigos imaginários. Muitas pessoas dizem que isso é só uma coisa de criança sem amigos, ou então há quem diga que as crianças são mais sensitivas a espíritos e essas coisas sobrenaturais, logo, esses amigos imaginários são na verdade, espíritos de crianças mortas. Navegando por aí, encontrei uma creepypasta sobre o assunto. Como já devem saber adoro esse tipo de textos, então decidi compartilhá-lo com vocês. Se você não gosta desse gênero, fique à vontade para fechar a tela e sair. Mas caso você tenha curiosidade ou goste de terror, por favor, me acompanhe (っ・з・)っ ~

AMIGO IMAGINÁRIO
"O pior cego é aquele que não quer ver". Talvez essa seja a frase que descreverá todo esse texto. Agora, distinguir um fato de uma ilusão é algo difícil, uma vez que nosso cérebro tende a inventar coisas. Um exemplo? Amigos imaginários. Amigos imaginários praticamente adentraram na nossa cultura. Todos acham normal e até mesmo curioso ver uma criança conversando com ninguém e apresentando nada para os outros, dizendo que aquilo era seu amigo imaginário. 

Quando você pede para a criança descrever o amigo imaginário, elas falam, surpresas: "Nossa! Não está vendo ele? Veja como é bonito! Olhe suas asas! Sua calda!" 

Você com certeza já deve ter ouvido falar de "sensibilidade paranormal". Pelo menos eu acredito que seja esse o nome dado às pessoas que possuem a "habilidades" que permitem fazer coisas como ver espíritos. A sensibilidade só atingiria alguns sortudos da população e à medida que envelhecessem, a sensibilidade iria ser ignorada. 

O que eu quis dizer com isso: que você provavelmente nasceu ou então na infância conhecia alguém que tinha a sensibilidade paranormal. Mas geralmente as crianças que tem essa habilidade a possuem por volta de 1 à 5 anos de idade. São raros os casos de pessoas que conseguem manter a habilidade para o resto da vida. As crianças que possuem isso acabam sendo a versas a contato com uma pessoa de verdade, apenas se limitando as pessoas com quem ela convive. Por isso, ela conversa com o ar, ou o tipicamente conhecido amigo imaginário. 

Amigos imaginários. Esse é o ponto. Supostamente são coisas da sua cabeça, correto? Ou melhor, algo passageiro como dizem os psicólogos, algo que crianças que foram criadas sozinhas (longe da companhia dos pais e sem irmãos ou primos) acabam criando dentro de sua cabeça para tentar "combater" a solidão.

A estimativa de vida de um amigo imaginário dura até os 7 anos de idade de seu "dono". Depois? São esquecidos, e quando os conhecidos do indivíduo acabam perguntando coisas relacionadas ao amigo imaginário como "como conversavam?", a pessoa geralmente não irá dar uma resposta sólida, apenas dirá algo como "eu era muito jovem e por isso não me lembro nem como ele era!". 

E quando você tentava se lembrar como ele era, acabava apenas distorcendo mais a imagem daquele vulto negro que você chamava de amigo. Ele se tornava algo mais amável, um urso gigante azul ou um astronauta de macacão vermelho, e você pouco se importava como ele realmente era, já que nunca mais voltará a ver ele de novo. Será que é verdade? 

O caso é que você não se lembra, porque você não quer se lembrar. O seu amigo imaginário estava lá para te atormentar. As brincadeiras que ele mandava você fazer não eram coisas saudáveis, e sim maldades. Ele fez você se afastar das outras pessoas, pois sabia que se você estivesse sozinho, você não teria chance e ele poderia se alimentar da sua solidão e de sua vida por mais tempo. Como um parasita. 

Obviamente, você é apenas uma criança ingênua, sendo iludida por um monstro que estava se alimentando de sua essência. Mas, os seres humanos adquiriram uma habilidade única. Uma coisa que difere eles dos animais: eles podem criar ilusões para mascarar o que realmente aconteceu. Isso fica claro com pesquisas que aparecem por aí e que provam que grande maioria de nossas memórias são falsas. 

Como supostamente ele é um parasita mental, só pode ser combatido com essa habilidade instintiva do cérebro para aliviar o sofrimento e apenas empurrar a sujeira para debaixo do tapete, e guardar o amigo imaginário em um baú nos confins de seu crânio. Feito isso, você pode seguir em frente e se desenvolver...viver a vida. 

Porém, o que você (e seu cérebro) não sabem é que seu amigo imaginário, embora aparentemente nunca tenha existido e tenha sido desligado de sua mente, ele está bem ativo, te controlando subconscientemente. Antes ele estava em seu primeiro estágio e você podia vê-lo. Agora você não pode vê-lo - e o pior - ele controla você. Ele que te faz sentir raiva. 

Ele que te faz agir com violência contra as outras pessoas. Ele que te faz se sentir sozinho. E quando você finalmente estiver sozinho, você será consumido e levado para "aquele lugar". 

Você provavelmente não deve estar entendendo por qual motivo ele levaria tanto tempo te atormentando e preso em sua cabeça, se poderia simplesmente entrar no inferno? 

Isso é simples. Apenas seres com alma entram lá. Amigos imaginários não são exatamente "almas". Por isso, eles habitam as pessoas, as enchendo de pensamentos negativos para poderem ir até onde interessa, entrando como clandestinos. Como parasitas. São inúmeros os exemplos, mas alguns casos famosos ilustram bem como isso acontece. Kurt Cobain por exemplo. Até hoje não se sabe se ele foi assassinado ou se suicidou. Se alguém plantou a nota de suicídio dele ou se ele escreveu a punho aquilo. Mas a nota de suicídio dele é dirigida a alguém especial... seu amigo imaginário. 

Talvez isso já esteja acontecendo com você. Talvez você não veja aqueles vultos como "amigos imaginários" como as crianças tanto descrevem. Para você podem ser apenas assombrações... Ou sombras. Pois seu cérebro provavelmente irá negar algo ilógico, usando sua famosa habilidade de iludir. 

 De qualquer modo, você pode acreditar nisso tudo que acabei de te falar... ou simplesmente negar tudo. 

 Com carinho, seu amigo imaginário.
Fonte: Medo B

Bom, se não me engano eu tinha uns 3 ou 4 amigos imaginários. E é aí que vocês devem estar pensando: "caraca Tsuki, você não tinha amigos?". Sim, eu tinha amigos, porém os imaginários eram sempre mais da hora u3u .q Enfim, não lembro exatamente como eles eram, mas sei que não eram humanos e também não eram exatamente animais. Humanoides, talvez. De qualquer forma era bem legal, eu gostava deles. Costumava passar as tardes no quintal da casa da minha avó com meus amigos imaginários, conversando ou brincando. Às vezes também ia à escola com eles e.e Me lembro de que não deixava meus pais me verem interagindo com meus amigos imaginários. Se eles vissem,  pensariam que eu estava louca e mandariam eu "cortar contato" com eles. Sendo assim, achava melhor conversar com meus amigos imaginários longe dos adultos. Também não me lembro quando foi que parei de vê-los.. Talvez quando eu tinha uns 7 ou 8 anos..

Enfim, na minha opinião, amigos imaginários são apenas o resultado da criatividade e da imaginação da criança fluindo. Acho isso muito interessante.. É incrível como as crianças são tão fantasiosas e espontâneas quando não estão paralisadas em frente à TV/IPhone. Esses aparelhos parecem sugar a alma da criança. Acho meio sinistro meus primos de 3 e 4 anos tão focados em passar a fase de um jogo qualquer. Parece que estão hipnotizados '-'

E o que vocês acham? Já tiveram amigos imaginários? Se lembram deles? Me contem, por favor ^-^
Kissus de menta 

18 comentários:

  1. Olá Tsuki ~~
    Eu vou bem e você? ^^
    Animes são mesmo viciantes, quando você começa um não faz mais nada além de assisti-lo.
    Esse texto me deu um pouco de medo, eu fingia ter amigos imáginarios, não sei ao certo se tinha, só sei que não conseguia vê-los, era muito legal brincar com elas, Yasmin era o nome de uma a qual brincava de ser fada com ela e que ela ia dormir em minha casa. Isso me lembrou o desenho Charlie e Lola, Lola tinha um amigo imaginário que sempre o ajudava.
    Hoje em dia eu vejo meio que vultos sim, em meu quarto, ou é minha imaginação. Eu já cheguei de ver uma menina de cabelos curtos e louros na cortina (só a sombra mesmo) e ela se mexia, consegui ver a sombra em outra parede do quarto, o que não me deixou dormir.
    Adorei a postagem, mesmo tendo que ficar com minha irmã do lado por medo shujdjfas (eu gosto de ler pra abrir minha mente mas morro de medo depois).
    Kisses by Nagaswa ~~ Uncomplicated

    ResponderExcluir
  2. Hello ✿
    Estou bem sim, obrigada por perguntar.
    Sério? Parabéns! Sou péssima em biologia.
    Em falar em amigos imaginários, ao histórias sobre eles. Seja romântica ou não - embora eu as prefira -, são o melhor tipo de leitura ♥, e o que você disse sobre elas serem espíritos de crianças já mortas, nossa! Daria um bom enredo de história (っ・з・)っ. Hjdhdjkgf, parei, prometo.
    Que blockquote lindo, a propósito ♥.
    Uau! O amigo imaginário era, na verdade, um inimigo imaginário. Criativo, com certeza! Estou desiludida.
    Grande maioria das nossas memórias são falsas? O QUÊ?! Não pode ser! Eu estava vivendo uma mentira esse tempo todo... Impossível! Me nego a acreditar nisso! -q
    Sabe o que é interessante? A ideia de que o "inimigo imaginário" é na verdade o seu lado ruim - meio que desperto.
    Achei o assunto bem interessante. Bem descrito e convincente, mas não sou de acreditar nesse tipo de coisa jdhfjg xDD.
    " Esses aparelhos parecem sugar a alma da criança." *risos*. Pois é, é assim com a minha irmã também - ela fica mexendo naquele My Talking Angela.
    Nunca tive um amigo imaginário - criança sem infância. Enfim...
    Beijão! ♥ | Summer Infinity |

    ResponderExcluir
  3. Oi Tsuki! o/
    Eu estou bem, obrigado por perguntar u3u
    Esse post mexeu comigo! Eu tinha sim, amigos imaginários, lembro-me bem de tudo. O nome dela era Sakura, ela me "guiava" nos dias sombrios, me fazia companhia nos dias de solidão. Mas quando eu tinha por volta de 7 ou 8 anos ela desapareceu.
    Eu sempre fui muito ligada a essas coisas sabe? Eu sinto quando alguma coisa de ruim vai acontecer e tals. Minhas amigas falam que eu tenho um "dom", eu não acredito muito nessas coisas, mas eu já acertei algumas coisas, então, sei lá :/
    Putz mano quando tu citou o Kurt Cobain meus olhos marejaram TT-TT eu sou muito fã de Nirvana então falar sobre o Kurt é bem triste.
    Beijos <3
    http://blog-colorfuldream.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá ♥ Eu vou bem, obrigada, hohoh; Parabéns pela prova o3o
    Eu sempre levei amigos imaginários como algo normal. Quando alguma criança (tipo meus priminhos) vem me "apresentar" um amigo, a única coisa que eu falo é "É mesmo, é? Hm, vai lá brincar com ele, vai". Não sei se verei mais da mesma forma ;_; qijeoiadjaoijs
    Eu tinha amigos imaginários ~também tinha amigos reais, mas como você disse, imaginários são mais daoras u3u~. Os nomes eram: Gabriel, Dominick e Anabela. Eu era uma criança muito criativa. Não lembro nada deles. Talvez fossem demoniozinhos, talvez não, nunca vou saber. ijqweijafio

    Beijos ♥
    escapis-m.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Ah sei lá, essa coisa de amigo imaginário é meio obscura pra se pensar, é meio comprensivel quando se é criança sem irmãos, mas perde o sentido tirando isso. Minha irmã tinha uma, se chamava Mariana, tirando ela não tenho conhecimento de outra, só as minhas conversas com meus pensamentos.

    yeah-dreamhigh.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá <3
    Estou bem, obrigada por perguntar ^^
    Parabéns pela nota! Eu estou precisando melhorar as minhas, pois estão uma desgraça e.e

    Posso ser cagona e não dormir a noite, mas amo creepypastas assim *----*
    Essa eu nunca tinha visto, e wow! É realmente interessante. Tinha que ser o Medo B né? Amo haha ♥
    Confesso que gosto de ler sobre, mas não acredito em coisas paranormais. Para mim, hoje em dia, o que prejudica crianças são a tecnologia. Como você mesma disse, parece que ela suga a alma de quem usa 'u' Meus primos, por exemplo, se estiverem mexendo no Video Game, Celular, Tablet, PC, se desligam do mundo 98%. Chega a ser estranho e assustador .---.

    Eu me lembro mais do amigo imaginário da minha amiga do que do meu. O da minha prima se chamava Timóteo e era um garoto normal, a não ser pelo fato de que ele escalava paredes. Eu sou um ano mais velha que minha prima. Me lembro até hoje do dia em que ela me contou que o amigo imaginário dela queria mata-la. Tipo nós tinha-mos 6 e 7 anos, não acreditei muito sabe? Até que de noite ele apareceu na janela, foi a primeira vez que eu o vi. Minha começou a chorar e tipo, os adultos que estavam na casa nem entendiam o que estava acontecendo, quando eu falei começaram a rir ¬¬

    Pode soar estranho, mas eu "matei" o meu. Era tipo vultuo preto sabe? Eu o joguei da janela por que ele tinha quebrado minha boneca hauaahashauh
    Eu também não queria que meus pais soubessem dele. Sempre fui louca das ideias desde pequena, achava que minha família ia me internar 'u'

    Enfim.
    Beijão ♥
    Alguns Rabiscos | Page 0/

    ResponderExcluir
  7. MANO, ODEIO BIOLOGIA, DETESTO BIOLOGIA, Eu estou estudando aquele negócio de Ciclo de krebs, cadeia respiratória e tals, não sei se você sabe, rs' Sobre amigos imaginário, eu não me lembro de ter um ^^'

    http://nakahouse.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Hello ヾ(^∇^)
    Estou muito bem também, eu já estava com medo de tirar vermelha em física mas estudei tanto que consegui um 10! Choremos de alegria hsuahs
    Nem sei dizer se eu tinha amigos imaginários ou não, não lembro de praticamente nada de quando eu era pequena. Mas pensando bem, essa creepypasta até que faz sentido... Sempre me pareceu que quando tenho raiva ou tristeza, algo faz com que eu chegue ao máximo antes de conseguir "me livrar" do que estou sentido. Enfim, quem sabe né?
    Achei muito interessante o post!
    Drop Minds

    ResponderExcluir
  9. Heeeey! Quando eu era uma criança, com menos de 6 anos, eu tinha um amigo imaginário. Na parede do meu quarto estava pendurada uma foto minha dentro de uma moldura. Toda a noite, antes de dormir, ao invés de enxergar a mim mesma naquela foto, eu enxergava um menininho de cabelos castanhos, que aparentava ter a minha idade. Eu sempre dormia de barriga pra cima, ficava conversando com ele até adormecer. Eram assuntos do tipo "como foi meu dia", coisas assim. Até que, em uma noite qualquer, eu decidi que não queria mais falar com ele, e dormi de bruços. Sem olhar para minha foto na parede, meu amigo imaginário simplesmente não existia. Já mudei de casa, a minha foto não está mais na parede do meu quarto, mas, ainda assim, eu durmo de bruços até hoje, questão de costume.
    Eu adorei essa creepypasta! ♥ Mas prefiro acreditar no mesmo que você: amigos imaginários, pra mim, são nada mais, nada menos, que a imaginação da criança fluindo.
    Amei o post!
    Kissus de morango ♥

    ResponderExcluir
  10. Esse texto me deixou um pouco confusa... Sou lerda pra essas coisas. Tipo, isso é só um texto pra assustar ou talvez seja tudo verdade? Ai cara.
    Eu não lembro de ter amigos imaginários... Sério. Lembro que eu falava sozinha (toda criança faz isso, né), mas não imaginava nenhum ser estranho ou sei lá. Mas já tive namorado imaginário, quando pequena. e-e Ele estava em todos os lugares hsaushausa.
    Enfim, eu acredito que quando nos sentimentos tristes e temos pensamentos, como acabar com nossa vida (aham, já pensei nisso algumas vezes e um médico chegou a me receitar um remédio pra depressão, porém não tô tomando mais porque aquele troço me dava dor de cabeça e insônia <3
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  11. Olá moça! Eu estou super ótima *O*, e parabéns por ter ido bem aí na matéria! É bom quando a gente vê que tira uma nota boa numa prova que a gente achava que iria tirar nota ruim KKKKKK

    Sobre amigos imaginários, já ouvi histórias de crianças, que diziam que o amigo imaginário mandavam elas fazerem tal coisa (no caso ruim), assim, depois da criança sofrer algum tipo de acidente leve ou não, o amigo imaginário simplesmente sumia e nunca mais voltava. Ouvi dizer que eles mandam as crianças fazerem coisas ruins, tipo, manipulam as mentes delas '-'. Tem umas crianças que diziam também que o amigo não ia mais surgir e tals. Vi relatos de mães falaram que ouviram os filhos dizerem: "Eu não posso matá-lo" e etc e-e', bem tenso.

    Eu particularmente nunca tive amigo imaginário, pelo menos pelo o que eu me lembre, meu irmão que uma vez viu uns negócio. Tava eu e ele sozinhos em casa de manhã, do nada ele disse que tava vendo uns homens de preto, meio colorido também, tinha uns no quarto, e daí ele disse que ouviu alguém batendo o roupeiro, a gente morreu de medo SUHSUSHU, eu não via nada, mas morri de medo do mesmo jeito. Fizemos até barreira de cadeira do corredor pra cozinha kkkkkkkkkkk

    Bom, pelo visto os seus amigos imaginários não eram do mal KKKK. As vezes já peguei minha irmã falando sozinha e tals, sempre fiquei em dúvida se ela tava vendo alguma coisa ou só brincando mesmo KKKKKKK.

    E concordo contigo sobre os amigos imaginários u.u
    Beijinhos! Adorei a postagem <3

    ResponderExcluir
  12. Só eu que estou me CAGANDO de medo? E sim eu já tive um amigo imaginário mas não lembro dele :o É sério isso me deu medo kkk :(
    Pode visitar o meu blog? Ficaria honrada (づ。◕‿‿◕。) http://c-asualaffair.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Que medo haha
    isso dá uma boa fanfic

    http://gotasdecaffe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oiiiii que blog LINDO é o seu! amei rs, além de vc ser linda, o layout é tão delicado que da vontade de ficar aqui por mais tempo rs! Amei a postagem e a sua maneira de escrever, ganhou mais uma seguidora! voltarei sempre aqui...
    beijoos
    (caso queira visite meu blog, ficarei feliz: http://garotaexemplar2015.blogspot.com.br/ )

    ResponderExcluir
  15. Os teu layouts estão cada vez melhores, apesar de ter gostado bastante do outro :) Mas esse também é muito bonito!

    Eu não acredito em espíritos de mortos, e sim em anjos maus, porque na Biblia diz que o diabo levou a 1/3 partes dos anjos do céu. E que quando a pessoa morre, a alma dele não fica vagando por aí ou algo do tipo.

    Já vi muitas crianças com amigos imaginários, e eu acho que é apenas a imaginação fértil que eles tem :)

    jamilsonoliveira.com

    ResponderExcluir
  16. Olá tudo bem? Nossa O.O eu amei saber disso tudo, e concordo com você em alguns casos e partes da história mas, meu cunhado quando tinha apenas 3 anos tinha um amigo imaginário e ele conta com tanta convicção de que o amigo era algo verdadeiro que a gente acredita. O que ele conta para a gente nos dá a entender que o amigo não era algo sombrio e negro e nem do mal mas sim do bem e com áurea branca no caso como se fosse um anjo sabe? Ele conta várias situações que aconteceu com ele e a avó dele afirma tudo o que ele conta, tipo que realmente agia como tal e falava muito e por oras nas sala. Lembro que o nome do amigo ainda era zézinho >.<

    Tipo, eu acredito que exista sim amigos imaginários mas com apenas dois propósitos, eu acredito que existam anjos e que se tornam amigos das crianças e protegem elas do mal e acredito também que existam demônios que fazem mal as crianças e as vezes até judiam e mandam fazer coisas horríveis. Bem, é apenas minha opinião né? Eu gostei bastante do post! Beijos ~

    ResponderExcluir
  17. Cara eu amo quando você posta CP <3 é super foda! Sem falar que da muuuuuito o que pensar ashsuahsu
    Esse me deixou bem neutra sabe, tipo to parada olhando pro pc com cara de boba até agora sahsuhaushsauhsu
    mds! mds!
    muito macabro, me fez pensar a infancia toda, enquanto eu conversava sozinha asuhsauhsauhs
    sua maldosa, destruidora de pensamentos!!!
    http://umagarotanadaencantada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá! Eu vou bem, e você?
    Bom, em relação a postagem, posso dizer que não estou com medo, vai me achar esquisita? ndoadna -q. Enfim, acontece que eu nunca fui uma criança muito comunicativa, sempre fui afastada de pessoas pois nunca gostei delas, e não tinha muitos amigos e não tenho até hoje, dizem que é por causa da minha personalidade chata e ignorante. Mas enfim, eu já tive um amigo imaginário e, depois que li esta postagem, pensei que, talvez fosse por causa dele que eu não tinha amigos. E, por incrível que pareça, eu realmente conversava e o via, não como uma pessoa bonita, geralmente era um urso com cara de cavalo e ele me respondia numa boa, fui com isso até chegar aos meus nove anos. Eu ainda me lembro do nome que o dei, era Miku (sou japonesa, e geralmente esse nome era do meu tio que havia morrido). O dei em consideração ao meu tio. Novamente eu repito que não estou com medo, só não quero que ele apareça novamente. Meus pais me chamavam de esquisita pelo simples fato de dizer que ele era metade urso e metade cavalo :v até me levaram no psicólogo uma vez mdjndfia, eu rio disso tudo até agora. A postagem foi interessante e me fez refletir sobre o Miku. Amei tudo <3

    b-oomerang.blogspot.com

    ResponderExcluir

✖ Por favor, respeito acima de tudo.
✖ Críticas são bem vindas, desde que apresentem argumentos.
✖ Deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir ;3
✖ E obrigada por comentar! Fique à vontade! xD

» Eu tento responder todos os comentários, mas muitas vezes, meu tempo não permite isso. Por isso dou preferência aos comentários mais urgentes, que expressam dúvidas, sugestões e tal.

KAOMOJIS:
(っ・з・)っ ~ ♥ (≧◡≦) (≧∇≦)(ó㉨ò) ┐ (´ー`)┌ 〈( ^.^)ノ ᕦ(ò_óˇ)ᕤ ᕙ(⇀‸↼‶)ᕗ (∩︵∩) (╯︵╰,) (╹◡╹) (◑.◑) (◐.̃◐) (・_・ヾ (´・_・`) 【・_・?】 ( ゚д゚) (。_゜) ⊙.☉ \(〇_o)/ (⊙﹏⊙✿) (◕﹏◕✿) (◕‿◕✿) (◕︿◕✿) (◡‿◡✿) (◠△◠✿) (◕ω◕✿) (◠ω◠✿) (◠︿◠✿) (◠﹏◠✿) (◠‿◠✿) (ノ⊙ヮ⊙) (╯°□°)╯ಠ_ಠ ( ̄。 ̄)~zzz (°ロ°)ヽ (゜∇゜)ノ (ノ◕ヮ◕)ノ (▰˘◡˘▰) (︶▽︶) (。・_・。) (・ェ-) (。◕ ‿ ◕。) ʘ‿ʘ ╮ (─▽─)╭ ᕦ(ò_óˇ)ᕤ (≧ω≦) (^▽^) ( ̄□ ̄) (¬_¬) (╥_╥) (╯3╰) (¬‿¬) (◣_◢) (≧o≦) (⋋▂⋌) (॓_॔) (─‿‿─) (∩︵∩) (⊙_◎) (。♥‿♥。) (~ ̄▽ ̄)~ ★~(◠‿◕✿) (∩˃o˂∩) ~ヾ(^∇^) (づ。◕‿‿◕。)づ (ノ◕ヮ◕)ノ*:・゚✧ (;一_一) (¬_¬) (¬‿¬) (◕ ‿ ◕)/

© Don't copy! Layout Por: Tsuki - Alcoolize - 2015 || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger.